09 maio 2012

fui ver um espectáculo tão bom, mas tão bom...
Paper Cut, de Yael Rasooly no Fimfa LX2012.



Sem comentários: